domingo, 30 de janeiro de 2011

...E será?

Sorri. Ata. Desata.
Emburrece. Larga. Reata.
Interessa. Desvenda. Desdenha.
Ignora. Desperta. Encanta.
Dança. Desdança. Canta e saltita.
Cria. Eterniza. Perece.

Morre.

Fica.

É a vida. (Hoje) Não tão bonita quanto descreveu Gonzaguinha.

6 comentários:

Toninho Moura disse...

A vida é sempre bonita.
Mas, como todas as coisas, tem uma ou outra face mais feia.

Camila Passatuto disse...

Belo.

Fernando Ramos disse...

"Emburrece. Larga. Reata."

Desatar é inerente aos inteligentes. São estes que fazem a vida bonita, bela. E é uma pena que nós, trouxa, sejamos nem um pouco espertos.

Ainda te espero um dia, quem sabe, naqueles meus blogues que dev em nunca comentavas. ;)

Beijocas.

Shi disse...

Vida!

Linda... que encanta e desencanta, mas que todos os dias nos presenteia com amores, paixões e até desilusões.

Beijo!

Alicia disse...

Ressucita para morrer de novo.

Fallen Archangel disse...

Um poema formado apenas por verbos? Olha, interessante isto. Existe apenas uma quebra no penúltimo verso.
Muito bom.

Postar um comentário

Alimente os devaneios de uma Mariazinha. Comente.